E O AMOR?!

by Grace Spiller

 

 

E o amor, por onde andará?

Saiu apressado e, batendo a porta,

Rasgou a cortina;

Sem dizer adeus e nem olhar para trás

Sumiu na neblina.

 

 

E deixou-me

Tão-só, tão menina,

Desarvorada e ferida,

Confusa, perdida...

 

 

Ah! O amor,

Aonde estará?!

 

 

Sequer viu a flor em meus cabelos e

Tampouco sentiu meu perfume-jasmim!

Não tocou em meu corpo faminto e

Nem viu a sede em meus lábios carmim!

 

 

E tão-só, mulher-menina,

Continuo a espera do amor,

Que tarda e não chega

Para colher minha flor...

 

 

Por onde andará,

Aonde estará o amor?!

 

 

 

Editado no site:

Para Ler e Pensar

 

 

 

RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS